Artigo original
Adesão ao tratamento nas perturbações psiquiátricas: o impacto das atitudes e das crenças em profissionais de serviços de psiquiatria e saúde mental em Portugal. Parte I: aspetos conceptuais e metodológicos
Treatment adherence in psychiatric disorders: The impact of the attitudes and beliefs of mental health professionals in psychiatry services in Portugal. Part I: Conceptual and methodological aspects
Ana Cardosoa,, , Mitchell Byrneb, Miguel Xaviera
a Departamento de Saúde Mental, Centro de Estudos de Doenças Crónicas – CEDOC, NOVA Medical School, Universidade Nova de Lisboa, Lisboa, Portugal
b University of Wollongong, School of Psychology, Wollongong, Austrália
Recebido 06 Maio 2015, Aceitaram 25 Maio 2016
Resumo
Introdução

Consideradas como um problema crónico de saúde, as perturbações psiquiátricas apresentam uma elevada prevalência em termos de não‐adesão ao tratamento.

Métodos

Revisão narrativa, não sistemática, da literatura relevante.

Resultados

A maioria dos trabalhos de investigação tem incidido sobre os fatores relacionados com o doente que interferem na adesão ao tratamento. No entanto, existem estudos que indicam que a responsabilidade para aumentar a adesão está mais relacionada com o profissional de saúde do que com o doente.

Conclusões

Através da identificação de fatores relacionados com os clínicos, pretendemos possibilitar o desenvolvimento de competências que poderão ter um papel importante na adesão ao tratamento dos doentes com perturbações psiquiátricas.

Abstract
Introduction

Among the chronic health diseases are psychiatric disorders and it is well established that within this population there is a particularly high prevalence of non‐adherence to treatment.

Methods

Narrative review, of relevant literature.

Results

The majority of the research has focused primarily on the factors related to the patient that interfere with treatment adherence. However, there are studies that seem to indicate that the responsibility for increasing adherence is more related with the health professional than the patient.

Conclusions

Through the identification of factors associated with clinicians, we enable the development strategies to increase skills in mental health professionals and that may have an important role in the treatment of patients with psychiatric disorders.

Palavras‐chave
Adesão ao tratamento, Perturbações psiquiátricas, Profissionais de saúde mental, Atitudes, Crenças e otimismo terapêutico
Keywords
Treatment adherence, Psychiatric disorders, Mental health professionals, Attitudes, Beliefs and therapeutic optimism

Métricas

  • SCImago Journal Rank (SJR):0,117
  • Source Normalized Impact per Paper (SNIP):0,137

Open Access

Licença Creative Commons
Revista Portuguesa de Saúde Pública está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

+ info