Investigação original
Motivação, perceção do impacto e grau de satisfação com o tratamento ortodôntico
Motivation, perception of the impact and level of satisfaction with orthodontic treatment
Luís Pedro Correiaa, Mónica Morado Pinhoa, Maria Conceição Mansoa,b,c,,
a Faculdade de Ciências da Saúde, Universidade Fernando Pessoa, Porto, Portugal
b Fernando Pessoa Energy, Environment and Health Research Unit (FP‐ENAS), Universidade Fernando Pessoa, Porto, Portugal
c Laboratório Associado para a Química Verde ‐ Rede de Química e Tecnologia (LAQV‐REQUIMTE), Universidade do Porto, Portugal
Received 21 May 2016, Accepted 03 August 2016
Resumo
Objetivos

Determinar a motivação subjacente ao tratamento ortodôntico; avaliar a perceção do impacto do tratamento ortodôntico nos pacientes sujeitos ao mesmo; avaliar o grau de satisfação relativamente ao tratamento realizado.

Métodos

Estudo observacional, transversal; amostra de conveniência: 111 indivíduos com respostas validadas ao inquérito criado/disponibilizado online entre os dias 15/11/2012 e 15/01/2013 (Google docs; uma resposta por IP); análise de dados efetuada utilizando o IBM® SPSS® Statistics vs.20.0, considerando um nível de significância de 0,05 para todas as situações de inferência estatística.

Resultados

Foram obtidas 111 respostas válidas. Foram apontadas como motivação para a realização do tratamento ortodôntico questões de ordem estética (44,14%), encaminhamento por médico dentista (36,04%), problemas de saúde oral (16,22%), opinião de familiares e/ou amigos (2,70%) e outros motivos (0,90%). A idade quando inquiridos e no momento do tratamento, a duração do mesmo e o grau de satisfação com o resultado não diferiram significativamente por género. De uma forma geral, os inquiridos afirmam ter ficado satisfeitos com o resultado do tratamento (n=104) e aqueles cuja autoperceção inicial era de, pelo menos, «satisfeito» apresentaram uma evolução significativa (p<0,001) do grau de satisfação (mediana aumentou de «satisfeito» para «muito satisfeito»).

Conclusão

A estética é o fator preponderante na motivação para a realização do tratamento ortodôntico. Após efetuarem tratamento ortodôntico, os indivíduos relataram uma melhoria significativa no grau de satisfação na perceção do seu sorriso e dos dentes, associando‐se este resultado ao impacto apercebido positivo em 93,69% (IC 95%: 87,34‐97,13%) dos respondentes que se submeteram ao mesmo.

Abstract
Objectives

To determine the underlying motivation for orthodontic treatment; to assess the perception of the impact of orthodontic treatment on the patients who undergo the treatment; to assess the level of satisfaction in regard to the treatment given.

Methods

Observational cross‐sectional study. Non‐probabilistic sample: 111 individuals with validated replies to the survey created/placed online between 15/11/2012 and 15/01/2013 (Google docs; one answer per IP); The statistical analysis was performed using IBM® SPSS® Statistics vs.20.0, considering a significance level of 0.05 for all statistic inference situations.

Results

111 validated replies were obtained. The motivations given for undergoing the treatment were issues of an aesthetic nature (44.14%), referral by dentist (36.04%), problems of oral health (16.22%), the opinion of family members and/or friends (2.70%) and other motives (0.90%). The age at the time of the survey and at the time of treatment, the duration of the treatment and the level of satisfaction with the results did not differ significantly by gender. In general, the respondents stated that they were satisfied with the results of the treatment and those whose initial perception was at least “satisfied” showed a significant improvement in the level of satisfaction (the median increased from “satisfied” to “very satisfied”).

Conclusion

Aesthetics is the preponderant factor in the motivation for undergoing orthodontic treatment. After undergoing orthodontic treatment, the individuals showed a significant improvement in the perception of their smile and their teeth, this result being associated with a positive perceived impact on 93.69% (IC95%:87.34%‐97.13%) of the respondents that underwent such a treatment.

Palavras‐chave
Tratamento ortodôntico, Sorriso, Estética, Satisfação do paciente, Motivação
Keywords
Orthodontic treatment, Smiling, Esthetics, Patient Satisfaction, Motivation

Metrics

  • SCImago Journal Rank (SJR):0,134
  • Source Normalized Impact per Paper (SNIP):0,148

Open Access

Creative Commons License
Revista Portuguesa de Estomatologia, Medicina Dentária e Cirurgia Maxilofacial is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

+ info